premierbet.co.ao

Assine premierbet.co.ao por R$2,00/semana
Continua após publicidade

A aventura do transporte público no Rio: agora, pane é no metrô

Depois das panes nos trens e do acidente com o BRT, composição com portas travadas causou paralisação de 20 minutos na Linha 1

Por Pâmela Oliveira, do Rio de Janeiro
10 set 2013, 11h49

A aventura dos usuários de transporte público no Rio teve, na manhã desta terça-feira, mais um capítulo de panes e paralisação. Depois de uma semana em que os trens metropolitanos tiveram paralisações, atrasos e tumulto por três dias consecutivos, foi a vez de uma composição do metrô causar transtornos aos passageiros. De acordo com o Metrô Rio, concessionária que administra o sistema, uma composição parou na estação Estácio, na Zona Norte, provocando a interrupção da circulação na Linha 1, que vai de Ipanema, na Zona Sul, até a Tijuca. A pane teve, segundo os administradores, duração de aproximadamente 20 minutos, com início por volta das 10h30.

De acordo com o Metrô Rio, a paralisação ocorreu devido a um problema no travamento de portas da composição, que se deslocavam em direção à Praça Sanes Peña. Apesar de o sentido afetado ser o da Zona Norte, os trens que seguiam para a Zona Sul passaram a ter intervalos aumentados, causando aumento da lotação nas plataformas.

Leia também:

São Paulo: Sistema contra lotaçaõ do metrô atrasa novamente

Acidente com BRT deixa 32 feridos na Zona Oeste do Rio

O metrô foi um dos vilões da organização da Jornada Mundial da Juventude, em junho. No primeiro dia do evento, quando milhares de fiéis se deslocavam para a celebração inicial, na Praia de Copacabana, o metrô parou por duas horas. Um detalhe: era exatamente este o meio de transporte recomendado pelos organizadores e a prefeitura para evitar engarrafamentos na chegada e saída do público. A concessão do metrô é estadual.

Acidentes – Na manhã de segunda-feira, um outro problema no transporte público do Rio deixou feridos e um grande congestionamento na cidade. Trinta e duas pessoas se machucaram – uma com gravidade – em um acidente entre um ônibus do sistema BRT, que opera na Zona Oeste, e um coletivo regular. Na noite de segunda, a Secretaria Municipal de Transportes informou que uma análise preliminar indica que o veículo do BRT teria avançado um sinal, o que causou a colisão. Imagens de câmeras do próprio BRT e da CET-Rio serão usadas para investigar as responsabilidades no acidente.

Continua após a publicidade

Leia também:

Pane em esteira fere 20 pessoas no metrô de São Paulo

‘Economist’ diz que rede brasileira de metrôs é ‘inadequada’

Continua após a publicidade

O eterno desafio de São Paulo: fazer andar a “cidade que nunca para”

Publicidade

premierbet.co.ao Mapa do site

Matéria exclusiva para assinantes. Faça seu login

Este usuário não possui direito de acesso neste conteúdo. Para mudar de conta, faça seu login

O Brasil está mudando. O tempo todo.

Acompanhe por premierbet.co.ao.

MELHOR
OFERTA

Digital Completo
Digital Completo

Acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 2,00/semana*

ou
Impressa + Digital
Impressa + Digital

Receba Veja impressa e tenha acesso ilimitado ao site, edições digitais e acervo de todos os títulos Abril nos apps*

a partir de R$ 39,90/mês

*Acesso ilimitado ao site e edições digitais de todos os títulos Abril, ao acervo completo de Veja e Quatro Rodas e todas as edições dos últimos 7 anos de Claudia, Superinteressante, VC S/A, Você RH e Veja Saúde, incluindo edições especiais e históricas no app.
*Pagamento único anual de R$96, equivalente a R$2 por semana.

PARABÉNS! Você já pode ler essa matéria grátis.
Fechar

Não vá embora sem ler essa matéria!
Assista um anúncio e leia grátis
CLIQUE AQUI.

premierbet.co.ao Mapa do site